Notícias

Turra apresenta projetos que valorizam o setor primário ao novo secretário de Agricultura do Estado

02/05/2022

Como defensor do setor primário na Assembleia Legislativa, o deputado Sérgio Turra (Progressistas) esteve com o novo secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), Domingos Velho Lopes, para tratar sobre projetos que incentivam o setor no Rio Grande do Sul. A reunião aconteceu nesta segunda-feira (02).


Autor da lei nº 15.175, que prevê a criação do Museu do Agronegócio, o parlamentar pediu pelo andamento das tratativas para a instalação do espaço. Sancionado em 2018, o projeto pretende organizar e preservar a história do setor primário gaúcho, responsável por 46% do PIB do Rio Grande do Sul. Por meio de convênio das secretarias de Estado com entidades do setor, o museu deve ser instalado no Parque Estadual de Exposições Assis Brasil, em Esteio. “Além de preservar a memória do agro gaúcho, o museu será mais uma atração para levar visitantes ao parque da Expointer, que acaba sendo pouco utilizado ao longo do ano”, justifica Turra.


O parlamentar também apresentou o projeto Universo Pecuária, desenvolvido pelo Sindicato Rural de Lavras do Sul e o Serviço de Inteligência em Agronegócio (SIA). Realizado de 1º a 6 de novembro de 2022, durante a Expolavras, o Universo Pecuária será um pool de eventos tecnológicos, econômicos, ambientais e culturais que promete movimentar a feira e torná-la referência nacional. Segundo o coordenador do projeto, Henrique Borges, a expectativa é ampliar o evento para se aproximar das características da Expodireto Cotrijal, que ocorre em Não-Me-Toque, porém tendo a pecuária como enfoque principal.


Turra salientou que intermediará o convite para que o governador do Estado participe do lançamento da feira. “A pecuária gaúcha é um exemplo para o Brasil e deve ser incentivada. O Universo Pecuária é uma grande ideia que promove negócios através de uma agropecuária sustentável, responsável e lucrativa. Um projeto que merece todo o nosso apoio e valorização”, avaliou.



Compartilhe