Notícias

“Nossa luta não foi em vão”, avalia Turra sobre a desestatização da Sulgás

25/10/2021

 O Governo do Estado irá receber, nas próximas semanas, um recurso extra de R$ 927 milhões referente a privatização da Companhia de Gás do Rio Grande do Sul (Sulgás). O leilão da estatal aconteceu neste dia 22, em São Paulo. Depois da privatização da CEEE Distribuição e da CEEE Transmissão, este foi o terceiro leilão realizado neste ano pelo governo gaúcho.

 

Para o deputado Sérgio Turra (Progressistas), as desestatizações estão gerando receita para o enfrentamento da crise e possibilitando investimentos no que é essencial. “O estado tem de caber em si mesmo para entregar ao cidadão o que realmente interessa: saúde, educação, segurança e obras de infraestrutura. Não se pode fazer isso com uma máquina pública pesada, cara e ineficiente”, avalia.

 

O deputado foi autor do Projeto de Emenda Constitucional (PEC) 280/2019, que retirou a obrigatoriedade de plebiscito para a venda da Corsan, do Banrisul e da Procergs. Turra também apoiou reformas para a diminuição do Estado, como a aprovação da PEC 272, do Poder Executivo, que vendeu a Sulgás e a CEEE Distribuição.

 

“As reformas estruturais do Estado, a batalha pela redução de impostos e o fim do plebiscito para debater o enxugamento da máquina pública foram essenciais para que hoje o governo esteja lançado grandes planos de investimentos como o Avançar. Nossa luta não foi em vão. Os resultados estão aparecendo”, afirma.  


Compartilhe