Notícias

“Prevaleceu o bom senso”, diz Turra sobre o parcelamento do IPVA

05/11/2019

Depois da repercussão negativa a respeito do pagamento em cota única do IPVA 2020, anunciado na segunda-feira (04), o governador Eduardo Leite recuou sobre a decisão. A nova posição foi definida em reunião com os deputados da base aliada na manhã desta terça-feira (05). Com isso o contribuinte poderá optar por quitar o imposto de forma parcelada, mantendo o mesmo formato aplicado em 2019.


“Prevaleceu o bom senso! O governador nos ouviu e foi sensível ao nosso apelo. Desde o início fui contrário à medida, pois ela não traria soluções efetivas para os problemas do Estado”, disse o líder da bancada do Progressistas na Assembleia Legislativa, deputado Sérgio Turra. Segundo o parlamentar, a definição sobre o IPVA não havia sido anunciada e discutida previamente com os partidos da base, o que também causou o descontentamento dos deputados aliados.


Para Turra, a ocasião abre discussão para as medidas mais extremas, como as privatizações. “Em um momento tão grave como este que o Rio Grande do Sul atravessa, atitudes mais arrojadas devem ser estudadas, como, por exemplo, a privatização do Banrisul. O que não podemos é optar sempre por deixar a conta para o cidadão”, disse.


O parlamentar é autor da proposta de emenda à Constituição (PEC) que sugere acabar com a exigência de plebiscito para a venda de estatais. Segundo ele, a medida tem o objetivo de dar mais agilidade às decisões do Estado para a retomada do desenvolvimento econômico. Na Assembleia Legislativa, Turra também é defensor da redução da carga tributária.


Compartilhe