Notícias

Em Grande Expediente, Turra fala sobre a responsabilidade do cidadão nas eleições deste ano

20/06/2018

“Só mudaremos a política, fazendo mais política, a boa política”, disse o deputado Sérgio Turra (PP) no espaço do Grande Expediente da Assembleia Legislativa desta quarta-feira, 20. Com o tema: “Juntos, vamos despertar um novo Brasil”, o líder do Progressistas fez uma reflexão sobre o papel do cidadão na construção do país.


Perante as eleições, que ocorrem em outubro deste ano, Turra reforçou a importância de se conhecer o trabalho desenvolvido pelos parlamentares gaúchos. “Os eleitores precisam saber o que esta Casa faz. Aquilo que o seu deputado produz”, disse. Para ele, a sociedade passa por um período de incertezas, “de pessimismo e fobia política”. Porém, para que haja mudança, o cidadão não pode se eximir. “É preciso responsabilidade coletiva. O cidadão é protagonista da própria história. Colocar a política no lixo é um erro irreparável”.


Turra também enfatizou sua posição contra o aumento de impostos e defendeu um Estado mais enxuto e a privatização de estatais. “O que justifica o dinheiro da população ser drenado por estatais falidas, enquanto faltam recursos para colocar mais policiais na rua? Ou para melhorar a qualidade da saúde? Luto por um Estado que atenda os reais anseios da nossa gente”, disse.


Por fim, o deputado, que também é líder da Frente Parlamentar de Combate aos Crimes Agropecuários da Assembleia Legislativa, lembrou a importância do agronegócio para a economia brasileira e ressaltou a criação da primeira Delegacia de Polícia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (DECRAB) no Estado. “Umas das conquistas que mais me realiza, em meus quase quatro anos de mandato, foi ter contribuído para criação da primeira DECRAB, pioneira em todo país”.  


O pronunciamento foi acompanhando no plenário pelo presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) e ex-ministro da Agricultura, Francisco Turra, pai do deputado.



Compartilhe